Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
09 de Janeiro de 2019

Com encenação, cenografia e figurinos de Nuno Carinhas, o espetáculo regressa para as últimas apresentações no Teatro Nacional São João, entre os dias 5 e 20 de janeiro

 

 

Otelo, o Mouro de Veneza, cuja primeira temporada teve cerca de 4 000 espectadores, parte da obra de William Shakespeare datada de 1604 mas que se mantém atual. A peça sublinha o poder "transformista" de sentimentos como a inveja e o ciúme que alastram e incendiam a alma humana, espelhando um lado mais negro e ludibrioso.

 

Nesta trama não ficam de fora outros temas fraturantes da sociedade, como as questões raciais - Otelo era visto como o "estrangeiro" - assim como o papel da mulher na sociedade com Desdémona a desafiar padrões, impondo a sua liberdade ao escolher o homem com quem casa e ao falar abertamente em público sobre assuntos da sociedade, chegando até a contradizer as opiniões do marido. 

 

Movido pela inveja de não ter sido nomeado para tenente de Otelo, Iago toma a dianteira da ação, conduzindo as restantes personagens (e o público) através de uma sucessão de "jogos" e planos engenhosos, conseguindo semear o ciúme no coração de Otelo contra Desdémona. Considerado como um dos maiores vilões da literatura, Iago é mordaz, estendendo a sua conspiração a todas as personagens, envolvendo-as no trágico final que se pode adivinhar, ou não fosse este um texto de Shakespeare. 

 

O espetáculo pode ser visto à quarta-feira e sábado, às 19 horas; à quinta e sexta-feira, às 21 horas; e ao domingo, às 16 horas. Excecionalmente, a récita deste sábado tem início às 21 horas. No dia 8, às 15 horas, haverá uma sessão exclusiva para escolas e, no dia 9, o espetáculo terá uma sessão descontraída, com audiodescrição e tradução em Língua Gestual Portuguesa.

 

Para o público que queira conhecer mais um pouco do processo de criação desta peça, está agendada para o dia 11 uma conversa pós-espetáculo com o elenco e o encenador.

 

A récita de 19 de janeiro dá Carta-Branca a crianças maiores de 4 anos que, através de uma inscrição de 2,50 euros, são acompanhadas pela equipa do TNSJ enquanto decorre o espetáculo. O preço dos bilhetes varia entre os 7,50 e os 16 euros.

 

+Info

publicado por Musikes às 18:12 link do post
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Obrigado pelas suas palavras.Viverá para sempre na...
Para mim, a canção mais bonita cantada em lingua p...
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
è Natal, é Natal....As mais belas canções de Natal...
blogs SAPO