Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
07 de Junho de 2016

"O homem prudente não diz tudo quanto pensa, mas pensa tudo quanto diz.” Aristóteles

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

MÚSICA CLÁSSICA (1750-1810)

Carl Philipe Emanuel Bach

“Por ocasião do lançamento da primeira coleção de Clavier-Stücke für Kenner und Liebhaber (Peças de teclado para conhecedores e diletantes), a crítica no jornal Hamburger Correspondent foi entusiástica. "Seu poder de invenção parece ser ilimitado. Cada uma de suas sonatas é um original inédito. E quando se escuta o próprio Bach tocar essas obras-primas! Ah, então a pessoa fica sem saber se admira mais o intérprete ou o compositor."

C. P. E. Bach - Sonata in G Major, Wq. 65_22 (1º and.) http://videos.sapo.pt/Sgwzal9MuP4C00tquEH5

C. P. E. Bach - Sonata in G Major, Wq. 65_22 (2º and) http://videos.sapo.pt/FKjTJmgir3JAwYIMJVFz

C. P. E. Bach - Sonata in G Major, Wq. 65_22 (3º and) http://videos.sapo.pt/OwA6o8bqtt1b5MnubMy7

C. P. E. Bach - Sonata in A Major, Wq. 65_37 (1º and.) http://videos.sapo.pt/doJ48aParsMgA3J2L8S0

C. P. E. Bach - Sonata in A Major, Wq. 65_37 (H.1 (2º and.) http://videos.sapo.pt/jFkFTFZWcDPN3k4074zJ

C. P. E. Bach - Sonata in A Major, Wq. 65_37 (3º and.) http://videos.sapo.pt/zCTv2LzSbHZmt5ivs7Sg

“O peregrino musical inglês Charles Burney expressou opinião semelhante ao visitar Carl Philipp em Hamburgo, em 1772. "O Sr. Bach foi benevolente ao ponto de se sentar a seu instrumento favorito, um piano Silbermann, no qual tocou três ou quatro de suas melhores e mais difíceis composições, com a delicadeza, a precisão e o ardor pelo qual é tão justamente célebre entre seus compatriotas." Hamburgo de C.P. Bach, gravura colorida do século 18 Música para tocar o coração Carl Philipp Emanuel Bach atuou durante 20 anos em Hamburgo, tornando-se um dos expoentes da nova "Empfindsamkeit" musical. Esse estilo "sentimentalista", marcado pelo espírito do Iluminismo, se caracterizava pela excentricidade, por contrastes de espírito súbitos e arcos melódicos líricos. O próprio Bach descrevia assim a sua estética: "Eu penso que a música deve predominantemente tocar o coração. Faz parte da verdadeira arte musical uma liberdade que exclui tudo o que é escravo e mecânico. Deve-se tocar a partir da alma, e não como um pássaro domesticado." Seu Versuch über die wahre Art das Clavier zu spielen (Ensaio sobre a verdadeira arte de tocar o teclado) também traz importantes indicações sobre a concepção musical de C.P.E. Bach. O tratado voltado aos executantes do cravo, clavicórdio, piano ou órgão foi best-seller ainda durante sua vida. E, na década de 1960, afirmou-se como uma das principais fontes de informações na redescoberta da assim chamada "Música Antiga" (ou seja, pré-clássica) e das práticas históricas de interpretação – ao lado das de Johann Mattheson, Johann Joachim Quantz e Leopold Mozart, entre outros. Rede "C.P.E. Bach 1714" Já em 1775, o poeta e também compositor Christian Friedrich Daniel Schubart reconhecia quão inovador ele era, como professor, compositor e intérprete: "Bach lidera os tecladistas, assim como [Friedrich Gottlieb] Klopstock, os poetas. Seu modo de compor e de tocar é inimitável: inesgotável nos movimentos melódicos, pleno de profundidade nas sequências harmônicas. Ele faz época, não só para o nosso tempo, mas para os futuros." Carl Philipp Emanuel Bach Versuch über die wahre Art das Clavier zu spielen Treze anos mais tarde, Carl Philipp Emanuel Bach morria em Hamburgo, cercado de honrarias. No entanto, a partir da segunda metade do século 19, ficou relegado ao segundo escalão da história da música. Ele fora o perdido entre o Barroco e o Classicismo-Romantismo, esmagado entre a genialidade universal do pai J.S. Bach e a popularidade de Haydn, Mozart e Beethoven. Considerado por uns "excêntrico e difícil" demais, por outros, "maçante", somente em décadas mais recentes as sensibilidades musicais reencontraram a chave que permite compreender e prezar a originalidade dessa obra, resgatando-a do esquecimento injusto: o que se poderia chamar de "código C.P.E.".” (http://www.dw.com/pt/carl-philipp-emanuel-300-anos-de-um-bach-negligenciado/a-17482545)

C. P. E. Bach - Sonata in A Major, Wq. 70_1 (1º and.) http://videos.sapo.pt/cQC27sQGdBp0EC2Fouad

C. P. E. Bach - Sonata in A Major, Wq. 70_1 (2º and.) http://videos.sapo.pt/QIW8vG0EKsSz9560bpcG

C. P. E. Bach - Sonata in A Major, Wq. 70_1 (3º and.) http://videos.sapo.pt/2QODcCzGzosg7sUDztzz

C. P. E. Bach - Sonata in B Flat Major, Wq. 62_16 (1º and.) http://videos.sapo.pt/dduLkc3g0M3YeO7qQlZP

C. P. E. Bach - Sonata in B Flat Major, Wq. 62_16 (2º and.) http://videos.sapo.pt/H4plK867wO3B7scRRyYn

C. P. E. Bach - Sonata in B Flat Major, Wq. 62_16 (3º and.) http://videos.sapo.pt/WH3sDkHSRFmmHscm2pgr

C. P. E. Bach - Sonata in E Minor, Wq. 65_30 (1º and.) http://videos.sapo.pt/pYlRCcjnj5jbbGstuq5c C. P. E. Bach - Sonata in E Minor, Wq. 65_30 (2º and.) http://videos.sapo.pt/EQCuezq3iqLEKIcTY7mG

C. P. E. Bach - Sonata in E Minor, Wq. 65_30 (3º and.) http://videos.sapo.pt/nqMyk3T2LE0UclwUKDOV

C. P. E. Bach - Sonata in G Major, Wq. 65_48 (1º and.) http://videos.sapo.pt/A8LZ2320lhkRZzps5w65

C. P. E. Bach - Sonata in G Major, Wq. 65_48 (2º and.) http://videos.sapo.pt/mRDaZbY6uEyE90UUTqjW

C. P. E. Bach - Sonata in G Major, Wq. 65_48 (3º and.) http://videos.sapo.pt/CZqgBclRQiUAO3Agsl18

E aqui estamos! 

Acabamos de conhecer vida e obra de um dos grandes compositores do séc. XVIII, que infelizmente passou desapercebido do grande público. Mas a curiosidade desta época não se esgota e nem termina aqui. Há ainda muito mais para descobri! E como não poderia deixar de ser, o teu “Musikes” irá levar-te numa outra viagem, que certamente desconheces ou não. ;)

Por isso!... Não percas o próximo post… porque nós… também não!!! ;)
publicado por Musikes às 11:29 link do post

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
è Natal, é Natal....As mais belas canções de Natal...
Quando estou triste, paro e medito...Quando estou ...
A música é, sem dúvida, o alimento da alma... das ...
blogs SAPO