Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
11 de Maio de 2016

“GOTINHAS… CULTURAIS…”

“A arte consiste em fazer os outros sentir o que nós sentimos, em os libertar deles mesmos, propondo-lhes a nossa personalidade para especial libertação.” Fernando Pessoa

A não perder! Aqui algumas sugestões culturais a lá dar um salto. ;)

FITEI arranca a 28 de maio no Rivoli http://www.porto.pt/noticias/festival-internacional-de-teatro-de-expressao-iberica-arranca-a-28-de-maio-no-rivoli

(notícia de 10-05-2016) “A 39.ª edição do Festival Internacional de Teatro de Expressão Ibérica (FITEI) tem como tema principal a Cenografia e vai decorrer no Porto, de 28 de maio a 19 de junho. Na conferência de apresentação da programação do evento, que decorreu hoje no Rivoli, o diretor Gonçalo Amorim salientou que já estar a ser preparada a edição de 2017, quando o festival celebrar quatro décadas de existência, num programa virado para o tema da comunidade e dos "territórios comuns". (…)”

*****

O LeV — Literatura em Viagem está de volta e assinala o seu 10.º aniversário

O LeV — Literatura em Viagem regressa já nesta sexta-feira. Entre os dias 13 e 15 de maio, Matosinhos volta a receber mais de uma dezena de autores, cientes da missão espinhosa que é salvar o mundo, contando-o.

Nesta 10.º edição do LeV, destacamos a presença do escritor, ensaísta e cronista Claudio Magris, um dos intelectuais europeus mais influentes da atualidade, numa altura em que a Europa atravessa uma das maiores crises de identidade das últimas décadas. Em Matosinhos, Claudio Magris irá refletir sobre o mundo em que vivemos, e em que condições pode a Literatura contribuir para salvá-lo. Destaque também para a presença do britânico Howard Jacobson, vencedor do prémio Man Booker, que virá falar sobre livros, viagens, humor e judaísmo (passe o pleonasmo), bem como para a conversa entre Ella Berthoud, autora de Remédios Literários, e Clara Ferreira Alves, que tentarão perceber se a Literatura salva.

Gonçalo Cadilhe e Paulo Moura vestirão a pele de grandes viajantes durante a sessão Elsinore, e Teolinda Gersão estará em diálogo com Patrícia Reis, partindo Por Este Mundo acima rumo à Cidade de Ulisses, e vice-versa. Alberto S. Santos, David Toscana e João Ricardo Pedro viajarão rumo às cidades literárias, e Andrés Barba, Ilze Butkute e Josefine Klougart farão o ponto de situação literário das New Voices europeias, uma iniciativa da plataforma Literature Across Frontiers, parceira do evento. Durante a 10.ª edição do LeV, haverá ainda visitas às escolas do concelho, sessões de formação e desafios à aventura via NOMAD, bem como visitas a lugares emblemáticos de Matosinhos, motivos de inspiração literária.

A partir de sexta-feira a Biblioteca Municipal Florbela Espanca volta a servir de base às mais diversas viagens e interpretações literárias, a partir de debates, conversas e entrevistas com uma série de autores que marcam a escrita contemporânea. A abertura será de José Pacheco Pereira no dia 13 de maio, pelas 21.30, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Matosinhos. Sejam bem-vindos a bordo.

O LeV — Literatura em Viagem é uma organização da Câmara Municipal de Matosinhos com produção executiva da Booktailors.

*****

Sud-Express no Palácio de Bolhão http://www.porto.pt/noticias/sud-express-no-palacio-de-bolhao

(notícia de 10-05-2016) “Estreia na próxima quinta-feira, 12 de maio, no Auditório do Palácio do Bolhão o espetáculo "Sud-Express 2016", de Zeferino Mota e João Paulo Costa. Depois de "A Revolução dos que Não Sabem Dizer Nós", em 2015, Zeferino Mota e João Paulo Costa lançam-se neste trabalho na evocação de um povo destinado à errância, como parece comprovar o imaginário identitário da nossa cultura constituído por elementos como o mar ou a saudade. Por sua vez, a França foi desde sempre a nossa entrada na Europa. Só depois dos Pirinéus, trabalhadores sem futuro, intelectuais escorraçados, refratários da guerra colonial sentiam o vento da liberdade que aqui escasseava... (…)”

*****

Cinema a 2,5 euros já na próxima semana http://www.dn.pt/artes/interior/cinema-a-25-euros-ja-na-proxima-semana-5165958.html

“Os bilhetes a 2,5 euros voltam entre 16 e 18 de maio a cerca de 500 salas do país. Organização espera captar 250 mil espetadores. A Festa do Cinema regressa às salas de cinema do país na próxima semana, entre 16 e 18 de maio, com bilhetes a 2,5 euroseuro. Depois da 1.ª edição, em 2015, a organização espera atrair mais 50 mil espetadores, esperando chegar aos 250 mil. Uma novidade é a parceria com a Academia Portuguesa de Cinema, o filme vencedor dos Prémios Sophia, que será conhecido na sexta-feira, será exibido em algumas salas. Amor Impossível, de António-Pedro Vasconcelos, Montanha, de João Salaviza, Yvone Kane, de Margarida Cardoso, e As Mil e Uma Noites: Volume 2, O Desolado, de Miguel Gomes são os nomeados. Ontem, durante a conferência de imprensa de apresentação da edição deste ano, Nuno Sousa, da organização Festa do Cinema, salientou o facto de em 2015 se ter registado "um crescimento de 20% no sector que este evento uniu, focando todos os players num objetivo e estratégia comuns". Recorde-se que Portugal contabilizou 14,5 milhões de espetadores, mais 2,5 milhões do que em 2014. Já Paulo Santos, da Associação Portuguesa de Empresas Cinematográficas (APEC), destacou a maior acessibilidade ao cinema que esta festa permite: "é um momento especial de partilha de obras cinematográficas com um público que, de outra forma, poderá não ter as mesmas possibilidades de acesso à magia das salas de cinema". (…)”

*****

Jazz continua a morar nos Aliados http://www.porto.pt/noticias/jazz-continua-a-morar-nos-aliados_2

(notícia de 09-05-2016) “Durante este mês, a associação Porta-Jazz apresenta cinco concertos no AV. Espaço Montepio, com o apoio da Câmara do Porto. A associação de músicos de jazz do Porto continua a promover espetáculos no número 90 da Avenida dos Aliados, nos fins de tarde de sábado (19 horas). Como também tem acontecido desde o início de 2016, num domingo do mês o AV. Espaço Montepio cede o seu palco a estudantes de música, que assim têm oportunidade de apresentar o trabalho desenvolvido nas aulas, numa iniciativa designada por "Porta Aberta" e com entrada livre. No primeiro sábado, dia 7 de maio, a animação ficou a cargo do Ricardo Formoso Quarteto "Origens", que integra Ricardo Formoso (trompete), Carlos Azevedo (piano), José Carlos Barbosa (contrabaixo) e Marcos Cavaleiro (bateria). +Info: Programação Mensal Sábado, 14: Mike Fletcher Sextet Ricardo Formoso (trompete), João Mortágua (saxofone alto), Mike Fletcher (saxofone tenor), Gonçalo Moreira (piano), João Cação (contrabaixo) e Alexandre Coelho (bateria) Domingo, 15 (18 horas): Porta Aberta: Conservatório de Música do Porto + Conservatório de Música de Coimbra Sábado, 21: The Mantra of the pHat-Lotus José Soares (saxofone), Mané Fernandes (guitarra), Filipe Louro (contrabaixo) e Pedro Vasconcelos (bateria) Sábado, 28: AP Quarteto AP (guitarra), Alexandre Dahmen (piano), Filipe Teixeira (contrabaixo) e Acácio Salero (bateria) Todos os concertos têm uma doação sugerida de cinco euros para o público em geral e de três euros para membros da associação, exceto o da iniciativa "Porta Aberta (entrada livre).”

*****

Casa da Música – Porto

Academia de Bailado Clássico Pirmin Treku (10 € - 30€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2016/05/16-maio-2016-academia-de-bailado-classico-pirmin-treku/45282/?lang=pt

[16/05/2016 - segunda-feira | 21:30 | Sala Suggia] No dia 16 de maio, pelas 21h30, a Academia de Bailado Clássico Pirmin Treku apresenta o seu espetáculo anual na Casa da Música. Conduzidos por músicas de Chopin, Minkus, Pugni, Tchaikovsky, Glazunov, os alunos mais velhos interpretam excertos dos grandes clássicos - como Les Sylphides, Paquita, Mirlitons, Raymonda. A som de Shostakovich, um grupo de alunos transporta para os dias de hoje, um bailado que faz parte da história da escola - "Foz" de Pirmin Treku. Os mais pequenos , levam o público numa viagem até aos anos 20 e 30, recordando Gershwin. Na segunda parte, pelas notas de Philip Glass, as alunas dançam uma recriação de Rui Lopes Graça, coreógrafo convidado da Academia. O espetáculo termina com todos os alunos em palco dançando o Port-de-Bras.

***

Quarteto de Cordas de Matosinhos (8€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2016/05/17-maio-2016-quarteto-de-cordas-de-matosinhos/43343/?lang=pt

Fim de Tarde | Música de Câmara - [17/05/2016 - terça-feira | 19:30 | Sala 2] - Clássica - Fim de Tarde, Música de Câmara Ao longo de 2016, o Quarteto de Cordas de Matosinhos celebra o Ano Rússia apresentando em todos os seus recitais um dos célebres Quartetos Russos de Haydn e um quarteto de um grande compositor russo. O ciclo abre com o Quarteto “O Pássaro”, assim designado pela semelhança entre os temas do seu primeiro andamento e o canto dos pássaros. A presença da música de autores portugueses é outra constante nos programas, sendo esta uma oportunidade para escutar a obra que Eurico Carrapatoso escreveu para o Quarteto de Matosinhos. A síntese entre a música do passado e do presente, marcada por uma influência da música tradicional e de raiz popular, encontra no Quarteto nº 3 de Schnittke um exemplo perfeito, razão pela qual esta obra é das mais conhecidas que o compositor russo compôs.

***

Clássicos de Viena (19€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2016/05/20-maio-2016-orquestra-sinfonica-do-porto-casa-da-musica/43196/?lang=pt

Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música - [20/05/2016 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica Haydn, Mozart e Beethoven permanecem como a tríade de compositores mais popular da História da Música, sendo associados ao Classicismo e à chamada Primeira Escola de Viena, rivalizando entre si as preferências do grande público. Em programa estão algumas das suas composições mais conhecidas. O pianista António Rosado interpreta o célebre Concerto em Lá maior de Mozart, cujo andamento lento constitui um dos mais belos sicilianos de todo o repertório. Tentar eleger a melhor peça entre este concerto e as duas sinfonias de Haydn e Beethoven em programa é uma tarefa aparentemente impossível. Já conhecer a interpretação do maestro Christoph Altstaedt, uma recente revelação no universo da direcção musical que tem reunido a unanimidade da crítica da especialidade, nos surge como uma proposta imperdível. “Altstaedt comunicou sempre de perto com a orquestra e dirigiu a sinfonia de Haydn “con spirito”. Frankfurter Neue Presse

***

Coral de Letras da Universidade do Porto (8€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2016/05/21-maio-2016-coral-de-letras-da-universidade-do-porto/44461/?lang=pt

Concerto Comemorativo do 50º Aniversário [21/05/2016 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica D. João IV (atribuído) Crux fidelis Alonso (Cancionero de Palacio) La tricotea Pedro de Escobar Clamabat autem Rossino Mantovano Lirum bililirum Giovanni Pierluigi da Palestrina Super flumina Babylonis Tomás Luis de Victoria Caligaverunt oculi mei Pierre Passereau Il est bel et bon Frei Manuel Cardoso Aquam quam ego dabo Thomas Tomkins Too much I once lamented Antonio Lotti Crucifixus Johann Sebastian Bach Den Tod (da Cantata nº 4) Robert Schumann Zigeunerleben Joseph Reinberger Abendlied Fernando Lopes-Graça Três Esconjuros Daniel Moreira Deus te guarde, pastorinha (Trás-os-Montes) Eurico Carrapatoso Ó meu Menino (Alentejo) José Luís Borges Coelho Vai-t' embora, papão (Baixo Alentejo) Fernando Lopes-Graça 3 Canções Regionais Portuguesas Fernando Lopes-Graça Não quero que vás à monda (Alentejo) Fernando Lopes-Graça 9 Canções Heróicas Dirigido desde a sua fundação pelo maestro José Luís Borges Coelho, o Coral de Letras da Universidade do Porto completa este ano 50 anos de um percurso intenso com concertos em todo o país e digressões internacionais. O repertório vasto e ecléctico é uma das características marcantes do coral, que desde o início fez da música portuguesa o seu eixo central. Neste concerto comemorativo podemos ouvir algumas das obras mais emblemáticas deste repertório, do repertório renascentista ao contemporâneo. Crux fidelis, de autoria atribuída D. João IV, e Ó Ladrão que te vais embora de Lopes-Graça integraram o programa inaugural apresentado pelo agrupamento a 2 de Maio de 1966, no Salão Nobre da Faculdade de Letras, pelo que é com especial simbolismo o Coral a elas regressa. As Heróicas de Lopes-Graça são acompanhadas por diferentes pianistas, de entre os que colaboraram com o CLUP ao longo dos anos: Isabel Rocha, Dalila Teixeira (em substituição de Álvaro Teixeira Lopes), Jaime Mota, Luís Filipe Sá, Miguel Borges Coelho, Fausto Neves, Bernardo Pinhal e Pedro Borges.

***

ECHO Rising Stars | 13 - 15 Maio | As futuras estrelas das salas de concerto europeias

A European Concert Hall Organization (ECHO) reúne as mais importantes salas de concerto da Europa. Todos os anos, desde 1995, os seus programadores e directores artísticos escolhem um grupo de jovens intérpretes que representam a sua aposta naquela que será a futura geração de concertistas. Estes músicos apresentam-se depois numa digressão europeia que percorre a maior parte dessas salas, levando consigo as escolhas artísticas das salas que os nomearam e novas obras escritas para eles por compositores de renome internacional. Em 2016, apresentam-se na Casa da Música as mais diversificadas formações, desde a harpa a solo ao quarteto de cordas, passando pelo trio com piano, o piano solista, o violoncelo e o canto na voz de um barítono. Não perca as jovens promessas do circuito internacional, nomes com provas dadas nos mais prestigiados concursos internacionais e na mira das grandes editoras discográficas.

13 Sex · 21:00 Sala 2 Trio Catch Laeiszhalle Elbphilharmonie Hamburg, Kölner Philharmonie, Festpielhaus Baden-Baden e Konzerthaus Dortmund apresentam: Trio Catch Boglárka Pecze clarinete Eva Boesch violoncelo Martin Klett piano Obras de Bertrand, Bull, Staud* e Beethoven + info

14 Sáb · 21:00 Sala 2 Quatuor Zaïde Philharmonie de Paris apresenta: Quatuor Zaïde Charlotte Juillard violino Leslie Boulin-Raulet violino Sarah Chenaf viola Juliette Salmona violoncelo Obras de Verunelli* e Beethoven + info

14 Sáb · 12:00 Sala 2 Cathy Krier Philharmonie Luxembourg apresenta: Cathy Krier piano Obras de Rameau, Schuler* e Ligeti + info

15 Dom · 16:00 Sala 2 Remy Van Kesteren Concertgebouw Amsterdam e Palais des Beaux-Arts Bruxelles apresentam: Remy Van Kesteren harpa Programa: Música Callada - homenagem a Federico Mompou + info

14 Sáb · 16:00 Sala 2 Harriet Krijgh Wiener Konzerthaus e Musikverein Wien apresentam: Harriet Krijgh violoncelo Magda Amara piano Obras de Mendelssohn, Doderer* e Franck + info

15 Dom · 18:00 Sala 2 Benjamin Appl & James Baillieu Barbican Centre London apresenta: Benjamin Appl barítono James Baillieu piano Obras de Schubert, Muhly e Schumann + info

***

Sheiks do Shake (10€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2016/05/22-maio-2016-sheiks-do-shake/42379/?lang=pt

“Espectáculos | Primeiros Concertos [22/05/2016 - domingo | 10:00 | Sala 2] - Espectáculos ( Famílias (crianças dos 3 meses aos 6 anos), Crianças ) Factor E! direcção artística e interpretação É dia de mil e uma noites. Há um tapete mágico, um génio da lâmpada. Há homens das Arábias, aventuras ao ritmo do Oriente. Depois de um bem-sucedido workshop, os Sheiks apresentam-se em concerto com um shake que soa a dum dum takata dum takata…

*****

Cinco concertos jazz no Espaço Montepio em maio - Porto24 http://news.google.com/news/url?sa=t&fd=R&ct2=us&usg=AFQjCNHPptFZbbPQbZcwXGieP6BzwuAOgg&clid=c3a7d30bb8a4878e06b80cf16b898331&ei=AAItV5jlL-bUwAHi8onICw&url=http://www.porto24.pt/cultura/espaco-montepio-jazz-concertos/

Cinco concertos jazz no Espaço Montepio em maio Porto24 A iniciativa parte da associação Porta-Jazz e conta com o apoio da empresa camarária Porto Lazer. Em maio, o jazz continua pelo AV. Espaço Montepio, no número 90 da avenida dos Aliados, todos os sábados, pelas 19h, além de um concerto “Porta ...

*****

U.Porto celebra 20 anos de Porto – Património Mundial da Humanidade http://noticias.up.pt/universidade-celebra-20-anos-de-porto-patrimonio-mundial/

(notícia de Sexta-feira, 6 de Maio, 2016) “O Centro Histórico do Porto foi classificado como Património Cultural da Humanidade em 1996. (Foto: DR) Celebram-se em 2016 os vinte anos sobre a classificação do Centro Histórico do Porto como Património Cultural da Humanidade e, para assinalar a data, a Universidade do Porto vai promover uma jornada comemorativa composta por visitas guiadas e um ciclo de conferências a decorrer entre maio e novembro, sempre às 18h30, no Salão Nobre da Reitoria da Universidade do Porto. A primeira conferência intitula-se “Processo de Candidatura do Porto a Património da Humanidade”, acontece dia 12 de maio, e ficará a cargo de Rui Losa, antigo Diretor do CRUARB (Projeto Municipal para a Reabilitação Urbana do Centro Histórico do Porto), onde coordenou o processo de candidatura do Centro Histórico do Porto à inclusão na Lista do Património Mundial da UNESCO. Autor de numerosos planos e projetos de arquitetura e de urbanismo e de um grande número de artigos, comunicações e conferências sobre Arquitetura, Planeamento, Reabilitação Urbana e Património, coordenou a equipa que elaborou, em 2008, o Plano de Gestão do Centro Histórico do Porto, Património Mundial. Foi ainda diretor da delegação do Porto do IHRU (Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana), administrador da Porto Vivo – SRU, Sociedade de Reabilitação Urbana da Baixa Portuense, e representante de Portugal no comité de peritos da UNECE (United Nations Economic Committee for Europe) sobre habitação sustentável, saudável e económica. “Quem vem e atravessa o Rio… O Porto património” é o título da conferência de Manuel Sampayo Graça, coordenador-geral dos Museus Municipais do Porto. Acontece no próximo dia 16 de junho. Em setembro, dia 22, será a vez do fundador e diretor do CITTA – Centro de Investigação do Território, Transportes e Ambiente (FCT – UP/UC) falar sobre “Planeamento do Território na área classificada como património mundial”. Paulo Pinho foi também diretor do Programa Doutoral FCT em Planeamento do Território (UP/UC) e do Mestrado em Planeamento e Projeto Urbano (FEUP/FAUP). No dia 13 de outubro, Manuel Real, responsável pela Coordenação Científica da candidatura da Cidade do Porto a Patrimonio Cultural da Humanidade, irá apresentar um conferência sobre “A gestão do património arqueológico no Centro Histórico do Porto, 20 anos depois da classificação pela UNESCO”. A apresentação do projeto “Porto Património Mundial” ficará a cargo das docentes da FLUP Lúcia Rosas e Leonor Botelho e vai ter lugar a dia 10 de novembro. Associados a este ciclo de conferência ficaram ainda dois percursos que vão levar os participantes ao coração do Porto – Património Mundial. No dia 21 de maio, às 14h40, pelas “Intervenções premiadas no Centro Histórico do Porto”, com António Moura, e, dia 12 de junho, às 10h00, o tema será as “Festas de São João – Candidatura a Património Imaterial da UNESCO”. Este último ficará sob a alçada do jornalista e investigador da história da cidade do Porto, Germano Silva. A participação nos percursos é gratuita mas sujeita a uma inscrição obrigatória através do e-mail cultura@reit.up.pt Mais informações através do e-mail cultura@reit.up.pt e/ou do telefone 220 408 195.”

*****

Semana do México no Mercado Bom Sucesso http://www.google.com/url?q=http%3A%2F%2Fmailing.cm-porto.pt%2Ffiles%2Fcultura%2F06052016_semana%2520do%2520mexico%2520azul.jpg&sa=D&sntz=1&usg=AFQjCNGnwCv5Ck254rr_5EjtW2t6_ZlHmA

*****

Fado para todos na Baixa do Porto http://www.porto.pt/noticias/fado-para-todos-na-baixa-do-porto-



Por aqui me fico… e claro, com o desejo de… boas leituras! Até ao próximo click! )
publicado por Musikes às 19:47 link do post
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Obrigado pelas suas palavras.Viverá para sempre na...
Para mim, a canção mais bonita cantada em lingua p...
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
è Natal, é Natal....As mais belas canções de Natal...
blogs SAPO