Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
03 de Janeiro de 2019

Coliseu Porto

 

Depois de nos despedirmos de 2018 com quase 100 mil pessoas, de todas as idades, felizes com os números de Circo programados pelo Coliseu, 2019 começa com um belíssimo Concerto de Ano Novo. Com um fim e um início tão auspiciosos, há motivos para antever um grande ano de música, teatro e dança, nesta que é maior e mais polivalente sala da cidade. Janeiro é a prova disso, como mostramos já de seguida.

 
Concerto de Ano Novo
 
Concerto de Ano Novo
Sábado 5 Janeiro - 21h30
 
Em noite de Reis, e com as Coroas de Natal ainda a enfeitar o Foyer, o Coliseu Porto Ageas dá as boas-vindas a 2019 com os delírios, valsas, polcas e galopes de Nicolai, Schostakovich e da família Strauss, interpretados pela Orquestra Metropolitana de Lisboa. A conduzir esta festa musical vai estar o maestro russo Evgeny Bushkov. “Um dos melhores maestros com quem toquei nos últimos dez anos”, disse o aclamado pianista austríaco Paul Badura-Skoda sobre Bushkov, que se iniciou na música clássica como promissor violinista. Com descontração e informalidade, e cumprindo a tradição, contamos consigo para receber o novo ano.
 
 
Mississippi Gospel Choir
 
Mississippi Gospel Choir
Sexta 11 Janeiro - 21h30
 
As grandes vozes da música negra regressam a Portugal com a vitalidade e a espiritualidade, temperada com os ritmos do funk e do blues, que só o gospel consegue reunir. 20 grandes vozes vão encher o palco do Coliseu para apresentarem “Aleluia!”, um concerto que passa em revista desde canções espirituais e religiosas do século XIX até aos hinos de protesto e às marchas pela liberdade. Não faltarão temas bem conhecidos como “Oh Happy Day!”.
 
 
Grease, o musical
 
Grease, O Musical
Sexta 18 Janeiro - 21h30
 
You’re the one that I want, o, o, ooooo
The one I need.
Oh, yes indeed.
Califórnia, final dos anos 50. Danny e Sandy trocam juras de amor no verão e todos torcemos para que sejam felizes juntos. Mas, tal como as folhas se separam das árvores no outono, também este casal de jovens segue caminhos opostos. O destino voltará a cruzá-los, como bem sabemos. Afinal, quem não conhece a história de "Grease"? Diogo Morgado e Mariana Marques Guedes lideram um elenco que tem como missão recriar o famoso texto escrito por Jim Jacobs e Warren Casey. A encenação é de Paulo Sousa Costa.
 
 
Quebra-Nozes
 
O Quebra-Nozes
Sábado 19 Janeiro - 18h00
 
Tchaikovsky compôs, Marius Petipa criou a coreografia, e agora a companhia Moscow State Ballet traz ao público do Porto a magia desta obra-prima do bailado clássico. Repleto de romance e fantasia “O Quebra-Nozes” abre as portas ao reino do sonho.
 
 
Gala Strauss
 
Gala Strauss
Domingo 20 Janeiro- 18h00
 
Inspirada no evento musical tradicional que a cada ano se celebra em Viena, a Gala Strauss inclui títulos bem conhecidos da música clássica, como “Valsa das Flores”, “A Valsa do Imperador”, “Champanhe” e, claro, a mais célebre de todas, a bela “Danúbio Azul”. Um concerto com clima festivo e que fica sempre marcado pela enorme participação do público que, ano após ano, enche o Coliseu.
 
 
O Lago dos Cisnes
 
O Lago dos Cisnes
Segunda 21 Janeiro - 21h30
 
A força da música de Tchaikovsky e um dos maiores pas de deux do repertório clássico do ballet fazem de “O Lago dos Cisnes” uma experiência única. Esta história tão romântica quanto negra é narrada através da esplêndida coreografia de Marius Petipa, aclamada pelo público em todo o mundo. Com mais de 30 bailarinos em cena, esta produção do Moscow State Ballet capta toda a beleza e tragédia do ballet romântico.
 
 
Anavitória
 
Anavitória
Quinta 24 Janeiro - 21h30
 
Ana Clara e Vitória Falcão estudaram na mesma escola, mas só na Universidade, em 2013, é que perceberam o talento uma da outra para a música. Juntaram talentos e nomes e o mundo não demorou muito até saber de cor as suas canções. “Trevo (Tu)” foi distinguida como “melhor canção em língua portuguesa” nos Grammy Latinos de 2017 e a aclamação em Portugal chega agora com um concerto no Coliseu Porto Ageas. As jovens brasileiras trazem na bagagem o recém-lançado álbum pop “O Tempo é Agora”.
 
 
Os Vizinhos de Cima
 
Os Vizinhos de Cima
Sábado 26 Janeiro - 21h30
Domingo 27 Janeiro - 16h00, 21h30
 
Um casal convida os seus vizinhos de cima para jantarem em sua casa. À medida que a noite avança, o casal toma conhecimento das loucuras sexuais dos seus vizinhos, o que os leva a repensar a sua própria relação, pautada por repressões e uma imensa monotonia. O confronto com a vida dos vizinhos de cima vai levá-los ao limite e a tomar algumas decisões no que diz respeito à sua relação. Fernanda Serrano, Pedro Lima, Ana Brito e Cunha e Rui Melo dão corpo às intensas personagens de um espetáculo que promete pôr o público a rir, mas também a refletir sobre o que se passa entre quatro paredes.
 
Social  Facebook  Twitter  Google Plus  print
publicado por Musikes às 12:51 link do post
03 de Agosto de 2018

Olá!

Aqui uns tantos refrescos culturais para o quente Verão.
 
 
Porto Busker Fest torna em agosto as ruas da Baixa no palco de 60 espetáculos
 
Ao longo dos próximos quatro fins de semana, o Porto Busker Fest vai juntar 25 artistas de rua, nacionais e internacionais, e apresentar 60 espetáculos em vários palcos improvisados na Baixa do Porto. Acrobacias, danças, clowns, estátuas-vivas, magia, comédia e muita música compõem o programa desta primeira edição, integrada no programa municipal Verão é no Porto.
 
A rua é um lugar fantástico para atuar e o verão a estação ideal para a estreia de um evento que pretende dinamizar a atividade "busking", explorando as suas muitas vertentes, dando a conhecer novos artistas e proporcionando ao público espetáculos cheios de ritmo e humor, em diversos pontos da cidade.
 
Veja aqui a programação!
 
 
Visita o Musikes!
Grandes Músicas… Grandes Épocas!...
publicado por Musikes às 10:39 link do post
05 de Fevereiro de 2018

(…) a música e a arte de modo geral procuravam se desligar da arte do passado deixando aos poucos os salões dos palácios e pondo-se mais ao alcance da nova classe social em ascensão, a burguesia, e invadindo as salas de concerto, conquistando um novo público ávido de uma nova estética.” (http://www.beatrix.pro.br/index.php/o-romantismo-na-musica-1810-1910/)



E entremos, mais uma vez, pela mão de Franz Liszt a desbravar a sua vida e obra que tanto marcaria uma época.



Boas audições!

 

*****

 

Só o que sonhamos é o que verdadeiramente somos, porque o mais, por estar realizado, pertence ao mundo e a toda a gente.” Fernando Pessoa

 

 

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

 

 

Séc. XIX - O Romantismo

(1810-1910)

 

Franz Liszt

(1811-1886)

 

(...) O casal aumentou a influência da música na cidade convidando muitos músicos, incluindo várias vezes Hector Berlioz, que conversou com a princesa em correspondência nos anos de 1852–1867. Ela foi especialmente encorajadora para que Berlioz escrevesse Les Troyens, dedicada a Virgílio Divo, mas também à Princesa Carolyne Sayn-Wittgenstein.

O escândalo causado pelo fato de que Liszt frequentava a casa de uma mulher casada, contribuiu depois para que mudassem para a Itália em 1860. Eles não eram casados, pois a princesa não começou um divórcio. A sua permanência durou cerca de quarenta anos. Faleceram com oito meses de diferença, o que fez deles um par lendário, como George Sand e Alfred de Musset. Franz Liszt morreu em 31 de julho de 1886, em Bayreuth, na Baviera. Seu corpo foi sepultado no cemitério de Alter Friedhof, na mesma cidade.” (…)” (https://pt.wikipedia.org/wiki/Franz_Liszt)

 

Franz Liszt: Harmonies Poétiques et Religieuses: I. Invocation

 

Franz Liszt: Harmonies Poétiques et Religieuses: III. Benediction De Dieu Dans La Solitude

 

Franz Liszt: Harmonies Poétiques et Religieuses: IV. Pensées Des Morts

 

Franz Liszt: Harmonies Poétiques et Religieuses: X. Cantique D'amour

 

Franz Liszt: Il Trovatore: Miserere

 

Franz Liszt: La Lugubre Gondola ("die Trauergondel")

 

Franz Liszt: Lucia di Lammermoor: Sextet

 

Franz Liszt: Malédiction for Piano and Orchestra in E Minor, S. 121

 

Franz Liszt: Norma - Grand Fantasy

 

Franz Liszt: Oberon: Overture

 

***

 

Uma vez mais, deixo aqui o convite, como que em jeito de introdução, desfruta de uma leitura acerca de toda uma época que marcou profundamente toda a sociedade e a organização das nações.



No Facebook e Twitter, em qualquer dispositivo.

Passa por lá!

 

Por isso!...

Não percas o próximo post… porque nós… também não!

 

 

 

 

publicado por Musikes às 12:52 link do post
subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
è Natal, é Natal....As mais belas canções de Natal...
Quando estou triste, paro e medito...Quando estou ...
A música é, sem dúvida, o alimento da alma... das ...
blogs SAPO