Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
19 de Novembro de 2018

E porque o cinema também é arte, aqui um festival que interessa a todos.
 

 

Shakespeare segundo Matías Piñeiro e a Inglaterra de Chris Petit no PortoPostDoc

Quinta edição do festival traz ao Porto dois dos mais interessantes nomes contemporâneos que confundem as fronteiras da ficção e do real.

 
Fo
 
"La Princesa de Francia, de Matías Piñeiro DR

O argentino Matías Piñeiro, um dos mais cosmopolitas cineastas contemporâneos, e o britânico Chris Petit, autor de um dos títulos mais lendários do cinema britânico, Radio On, são as novas “adendas” à programação do Porto/Post/Doc. O festival portuense, que decorre no Rivoli, Passos Manuel e Trindade de 24 de Novembro a 2 de Dezembro, anunciara já uma retrospectiva integral da obra da dupla António Reis/Margarida Cordeiro e um workshop com a investigadora, crítica e cineasta Laura Mulvey.

Prosseguindo o seu interesse pelos cinemas que transgridem fronteiras entre “ficção” e “documentário”, era inevitável que o Porto/Post/Doc viesse ter a estes dois cineastas. Piñeiro, uma das figuras de ponta do novo cinema argentino a par de gente como Mariano Llinás, tem recentemente levado a cabo uma série de adaptações livres de Shakespeare que se alimentam, de modo quase improvisacional, do próprio cenário em que tudo decorre. É o caso de três dos cinco filmes alinhados para a sua retrospectiva: Viola (2012), baseado em Noite de Reis, La Princesa de Francia (2014), inspirado em Penas de Amor Perdido, e Hermia & Helena (2016), sugerido por Sonho de uma Noite de Verão.

Já Chris Petit, figura importante do cinema paralelo britânico, é recordado essencialmente por Radio On, o seu road movie pela Grã-Bretanha de finais dos anos 1970 ao som dos Kraftwerk ou de Bowie. O Porto/Post/Doc vai apresentar muitos dos seus filmes mais experimentais, como a meditação sobre as imagens Negative Space, ou os seus documentários dedicados ao escritor J. G. Ballard e ao argumentista Rudy Wurlitzer. (…)"

 
publicado por Musikes às 12:49 link do post
17 de Novembro de 2018

CONVITE

 

Sessão Especial de Exibição de Curtas Metragens sobre

JÚLIO RESENDE

 
 
 
 
A Direção Regional de Cultura do Norte, o Lugar do Desenho - Fundação Júlio Resende e o Cineclube do Porto convidam para a Sessão Especial de Exibição de Curtas Metragens sobre o Mestre Júlio Resende, a decorrer no próximo dia 28 de novembro, na Casa das Artes, Porto.
 

Sessão #1 | 17h30 | Duração prevista: 60'

"Impressões" - Manuel Casal Aguiar - PT | 1977 | 13'

"Ribeira Negra" - Manuel Casal Aguiar - PT | 1986 | 14'

Convidados: Manuel Casal Aguiar; António Quadros Ferreira; Zulmiro de Carvalho

 

Coffee Break / Porto d'honra

 

Sessão #2 | 19h00 | Duração prevista: 60'

"7 Rios" - Manuel Casal Aguiar - PT | 1995 | 24'

 
Convidados: Manuel Casal Aguiar; Alexandre Alves Costa; Luís Urbano
 
 

Direção Regional de Cultura do Norte | Praceta da Carreira | Vila Real

www.culturanorte.gov.pt

Facebook  Twitter  Youtube  Instagram
publicado por Musikes às 18:19 link do post
25 de Outubro de 2018

Para saber o que a 7ª Arte anda a fazer.

 

 

""Bohemian Rhapsody", o filme que retrata 15 anos da vida de Freddie Mercury, chega a Portugal em novembro. Antes disso, estreia em Wembley, onde os Queen fizeram história em 1985.

 

Rami Malek em "Bohemian Rhapsody", na pele de Freddie Mercury

 

É, sem sombra de dúvidas, a música mais conhecida dos Queen. É, aliás, mais do que uma música: é um conjunto de várias músicas, vários géneros, várias fases da música internacional e várias fases da vida de Freddie Mercury. É, tal como o próprio nome revela — sem farsas, mal entendidos ou mensagens escondidas –, uma rapsódia boémia. Mas, a partir deste ano, Bohemian Rhapsody será também o nome do filme que conta a história da rapsódia boémia que foi a vida de Freddie Mercury.

Rami Malek, o protagonista da série “Mr. Robot”, foi o escolhido para interpretar o mítico vocalista,pianista,músico,ícone depois de anos de avanços e recuos e da recusa do nome de Sacha Baron Cohen –– que contava com a vantagem de ser fisicamente parecido com Mercury — por parte de Brian May e Roger Taylor, guitarrista e baterista dos Queen, que são também produtores executivos do filme. Em entrevista no talk showde Jimmy Kimmel, Rami Malek falou sobre o processo de se “tornar” Freddie Mercury e revelou qual foi o único objeto com que ficou depois do final das gravações. (…)

 

Descubra qual!

 

O filme retrata um período de 15 anos da vida de Freddie Mercury, desde a formação dos Queen até ao histórico concerto em Wembley, em 1985, durante o festival Live Aid. Concerto esse que é considerado a maior performance rock de todos os tempos, com direito a trono, coroa e manto vermelho. Naquele dia, Freddie foi coroado um ícone da música e estabeleceu hábitos e práticas de concerto que são, até hoje, indissociáveis da identidade Mercury.

E foi exatamente esse concerto, esse dia de julho de 1985, que deu início às filmagens de “Bohemian Rhapsody”. “A primeira cena do filme que rodámos envolvia nós os quatro a subir ao palco no Estádio de Wembley. Foi logo no primeiro dia”, contou Rami Malek a Jimmy Kimmel. Esta terça-feira soube-se que, como não podia deixar de ser, o filme sobre a vida de Freddie Mercury vai estrear precisamente em Wembley, na SSE Arena (antiga Wembley Arena), a poucos metros do estádio onde os Queen fizeram história.

A estreia, que vai contar com 2.600 convidados, está marcada para o dia 23 de outubro. Em Portugal, “Bohemian Rhapsody” chega aos cinemas a 1 de novembro.” (Artigo do jornal Observador))

 

 

Entre familiares, amigos e conhecidos, irão gostar do Musikes.

Partilha no Facebook,no Twitter e agora também no Padlet.com!

"Todos os dias devíamos ouvir um pouco de música, ler uma boa poesia, ver um quadro bonito e, se possível, dizer algumas palavras sensatas. Goethe"

publicado por Musikes às 12:57 link do post
subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
è Natal, é Natal....As mais belas canções de Natal...
Quando estou triste, paro e medito...Quando estou ...
A música é, sem dúvida, o alimento da alma... das ...
blogs SAPO