Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
21 de Outubro de 2020

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

 

 

Séc. XIX - O Romantismo

(1810-1910)

 

 

Antonin Dvorák.1 (3).JPG

Antonin Dvorák

(1841-1904)

 

“(…) Dedica os últimos anos de vida, enquanto dirigia o Conservatório de Praga, à composição de óperas. A mais famosa é Rusalka (1901).

A música de Dvorak é colorida e ritmada. É, ao mesmo tempo, inspirada na herança erudita europeia e influenciada pelo folclore tchecoslovaco e norte-americano. Foi um dos raros exemplos de compositor romântico a abordar, com sucesso, todos os gêneros. Só não compôs para o balé.” (https://operamundi.uol.com.br/historia/21547/hoje-na-historia-1904-morre-o-compositor-tcheco-antonin-dvorak)

 

Antonin Dvorák: Ópera “Rusalka" (1900 - completa)

 

Antonin Dvorák: Symphony No. 4 in D-Minor, Op. 13

 

Antonin Dvorák: Symphony No. 6 In D Major, Op. 60, B. 112: IV. Finale. Allegro con spirit

 

Antonin Dvorák: Piano trio n°4

 

Antonin Dvorák: Stabat Mater

 

 

Fale comigo!
Siga o Musikes no Facebook

 

publicado por Musikes às 07:32 link do post
03 de Outubro de 2020

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

 

 

Séc. XIX - O Romantismo

(1810-1910)

 

 

Antonin Dvorák.3 (2).jpeg

Antonin Dvorák

(1841-1904)

 

“(…) Em 1874, o compositor ganhou um prêmio do governo austríaco, de 400 florins, em mérito a Sinfonia nº 3. Dvorák recebeu o mesmo prêmio em mais duas ocasiões, em 1876 e 1877, graças ao voto do compositor Johannes Brahms. A intermediação de Brahms também lhe rendeu a publicação de algumas de suas obras por uma importante editora --razão pela qual, anos depois, obteve grande reconhecimento nos teatros da Inglaterra. (…)” (https://musicaclassica.folha.com.br/cds/11/biografia.html)

 

Antonii Dvorák: Symphony No. 3 in E-Flat Major, Op. 10

 

Antonin Dvorák: Vodnik (The Water Goblin / El duende de las aguas)

 

Antonin Dvorák: Canções Que Minha Mãe Me Ensinou

 

Antonin Dvorák: Coral UnP - Goin' Home

 

Antonin Dvorák: Missa in D, op. 86 - Live Concert CORAL

 

 

Fale comigo!
Siga o Musikes no Facebook

 

publicado por Musikes às 17:19 link do post
21 de Setembro de 2020

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

 

 

Séc. XIX - O Romantismo

(1810-1910)

 

 

Antonin Dvorák.1 (2).JPG

Antonin Dvorák

(1841-1904)

 

“(…) Em 1857, Dvorák foi para Praga para dar continuidade às aulas. Lá permaneceu por dois anos. Quando deixou o centro musical, logo arrumou um emprego como violista no Teatro Nacional de Praga. Para completar a renda, também dava aulas.

Dvorák tornou-se o organista da Igreja de São Adalberto de Praga em 1873. O trabalho era estável, o que permitiu que ele casasse com Anna Cermakova, uma de suas alunas. Eles tiveram nove filhos --três morreram antes de completar cinco anos. (…)” (https://musicaclassica.folha.com.br/cds/11/biografia.html)

 

Antonín Dvorák: Piano Trio No. 3, Op. 65

 

Antoníi Dvorák: Symphony No. 3 in E-Flat Major, Op. 10

 

Antonin Dvorák: piano Trio no. 1, In B-Flat Major, Op. 21

 

Antonin Dvorák: Dança Eslava No. 8, op. 46

 

 

Fale comigo!
Siga o Musikes no Facebook

 

publicado por Musikes às 07:22 link do post
subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Identifico-me totalmente com o argumento deste pos...
Obrigado pelas suas palavras.Viverá para sempre na...
Para mim, a canção mais bonita cantada em lingua p...
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
blogs SAPO