Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
19 de Junho de 2020

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

 

 

Séc. XIX - O Romantismo

(1810-1910)

 

 

Peter Ilyich Tchaikovsky.3.JPG

Peter Ilyich Tchaikovsky

(1840-1893)

 

“(…) Durante seu período no Conservatório de Moscou, teve oportunidade de conhecer outros autores consagrados da música clássica, entre eles, Franz Liszt e Hector Berlioz, compositores húngaro e francês, respectivamente, que fizeram turnês pela Rússia. A crescente fama e reconhecimento do compositor russo acabaram por influenciar autores novos, entre eles, Sergei Rachmaninoff, que um pouco mais tarde teria sua obra também mundialmente conhecida. Tchaikovsky percebeu o valor de Rachmaninoff e foi um incentivador de sua carreira…. (…)” (https://educacao.uol.com.br/biografias/peter-ilyich-tchaikovsky.htm)

 

Peter Ilyich Tchaikovsky: Violin Concerto In D, Op. 35 - 3. Finale: Allegro Vivacissimo

 

Peter Ilyich Tchaikovsky: Piano Concerto #1 In B Flat Minor, Op. 23 - 2. Andantino Semplice

 

Peter Ilyich Tchaikovsky: The Nutcracker Suite, Op. 71A - 4. Russischer Tanz, Trepak

 

Peter Ilyich Tchaikovsky: Swan Lake, Op. 20 - 1. Szene

 

Peter Ilyich Tchaikovsky: Serenata Para Cuerdas - Tercer Movimiento

 

 

Segue o Musikes em…

Facebook  Twitter  Padlet

publicado por Musikes às 07:16 link do post
17 de Novembro de 2019

A dar continuidade…

 

 

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

 

 

Séc. XIX - O Romantismo

(1810-1910)

 

Camille Saint-Saëns

(1835-1921)

 

“(…) A música de piano, embora não tão profunda ou tão desafiador quanto o de alguns de seus contemporâneos, ocupa o terreno estilística entre Liszt e Ravel . Às vezes brilhantes, transparentes e idiomáticas, a música para dois pianos inclui as Variações sobre um tema de Beethoven , o Scherzo , um pedaço palíndromo que utiliza uma mistura de tonalidades modernas e gestos convencionais, eo arabe Caprice , uma fantasia ritmicamente inventiva que paga homenagem à música do norte da África. (…)” (https://som13.com.br/camille-saint-saens/biografia)

 

Camille Saint-Saëns: Variations sur un thème de Beethoven

 

Camille Saint-Saëns: Caprice Arabe for two pianos, Op. 96

 

Liszt: The Great Piano Works - Part 1

 

Maurice Ravel: Complete Piano Music

 

Camille Saint-Saëns: Carnival Of The Animals - 2. Hens & Cockerels

 

Camille Saint-Saens: Trio Pn Fa Maj Op18/Andante (2º and.)

 

Camille Saint-Saëns: Piano Concerto No 2 in G minor, Op. 22

 

 

Segue o Musikes em…

Facebook  Twitter  Padlet

publicado por Musikes às 09:12 link do post
07 de Outubro de 2019

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

 

 

Séc. XIX - O Romantismo

(1810-1910)

 

Camille Saint-Saëns

(1835-1921)

 

“(…) Na década de 1840, Saint-Saëns entrou no Conservatório de Paris , onde estudou órgão e composição, este último sob Fromental Halévy . Saint-Saëns ganhou muitos prêmios principais e ganhou uma reputação que resultou em sua introdução a Franz Liszt , que se tornaria um de seus amigos mais próximos. (…)

 

Camille Saint-Saëns: Carnival Of The Animals - 10. Aviary

 

Camille Saint-Saëns: Carnival Of The Animals - 11. Pianists

 

 

Na idade de 16, Saint-Saëns escreveu sua primeira sinfonia , o seu segundo, publicado como Sinfonia n º 1 em Mi bemol maior , foi realizada em 1853 para a surpresa de muitos críticos e compositores do companheiro. Hector Berlioz , que também se tornou um bom amigo, observou famosa, Il sait tout, Mais il manque d'inexperiência ("Ele sabe tudo, mas falta inexperiência").Para a renda, Saint-Saëns jogou o órgão em várias igrejas em Paris, com a sua primeira nomeação estar no Saint-Merri no Beaubourg área. [ 1 ] Em 1857, ele substituiu Lefébure-Wely na posição eminente de organista da Eglise de la Madeleine , que manteve até 1877. Seus semanais improvisações surpreendeu o público parisiense e ganhou observação de Liszt 1866 que Saint-Saëns foi o maior organista do mundo. Ele também compôs a famosa peça chamada Danse Macabre neste momento. (…)” (https://som13.com.br/camille-saint-saens/biografia)

 

Camille Saint-Saëns - Symphony No.1 in E-flat major, Op.2

 

Camille Saint-Saens: Danse Macabre

 

Camille Saint-Saens: Trio Pn Fa Maj Op18/Allegro Vivace (1º and.)

 

Camille Saint-Saens: Trio Pn Fa Maj Op18/Scherzo Presto (3º and.)

 

Camille Saint-Saëns: Carnival Of The Animals - 12. Fossils

 

 

Segue o Musikes no...

Facebook  Twitter  Padlet

publicado por Musikes às 09:47 link do post
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Identifico-me totalmente com o argumento deste pos...
Obrigado pelas suas palavras.Viverá para sempre na...
Para mim, a canção mais bonita cantada em lingua p...
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
blogs SAPO