Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
31 de Março de 2021

GRANDES MÚSICAS… GRANDES ÉPOCAS!...

 

 

Séc. XIX - O Romantismo

(1810-1910)

 

Robert Schumann 5 and Clara Schumann at the piano (1).jpg

Robert Alexander Schumann

(1810-1856)

 

“(…) Depois de casados, a ligação entre Clara e Robert manteve-se intensa e profunda. Oito filhos e todos os problemas de uma família normal não impediram que os dois trabalhassem activamente: ele compondo e ela apresentando-se nos principais centros europeus. Devido à sua carreira de concertista, Clara gozava de muito maior renome do que ele. Tratado muitas vezes como "marido de Clara Wieck", isso chegou a causar-lhe um certo abalo, mas nunca a ponto de prejudicar o seu relacionamento.Como compositor, nos anos seguintes, Schumann mostrou o seu interesse em dominar outros géneros que não apenas o pianístico. Estimulado por Clara, Liszt e outros amigos, criou várias partituras para música de câmara, uma ópera (Genoveva), a música incidental para o Manfredo, de Byron, e para o Fausto, de Goethe, além de três sinfonias, o Concerto para Piano e Orquestra em lá Menor, e o Concerto para Violoncelo e Orquestra, entre outras obras. (…)” (https://www.rtp.pt/antena2/geral/robert-schumann_1908)

 

Robert Schumann: Ópera “Genoveva" - Abertura, , Op. 81 (1846-1848)

 

Robert Schumann: Ópera “Genoveva", , Op. 81 - Act. I (1846-1848)

 

Robert Schumann: Ópera “Genoveva", , Op. 81 - Act. II (1846-1848)

 

 

Robert Schumann: Der Rose Pilgerfahrt para Vozes solistas, Coro, e Orquestra, Op. 112 - No. 5 (1851)

 

Robert Schumann: Fantasiestücke para Clarinete (ou Violino, ou Violoncelo) e Piano, Opus 73. (1849)

 

Robert Schumann: Drei Romanzen para Oboé (ou Violino, ou Clarinete) e Piano, Opus 94. (1849)

 

Robert Schumann: Quarteto para Piano em Mi bemol maior, Opus 47. (1842)

 

Robert Schumann: Abertura e música incidental para Nanfred”

 

Robert Schumann: Concerto para Quatro Trompas e Orquestra

 

 

Fale comigo.

Também no Facebook!

publicado por Musikes às 07:29 link do post
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Identifico-me totalmente com o argumento deste pos...
Obrigado pelas suas palavras.Viverá para sempre na...
Para mim, a canção mais bonita cantada em lingua p...
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
blogs SAPO