Em cada um reside a fonte da partilha, e seja ela um dom ou não, deixa-me semear no teu ser o prazer da Música. Ela tem inspirado o Homem no revelar o seu pensamento, o interpretar e sentir o Universo ao longo de milénios. Bem vindo!
07 de Janeiro de 2019

"Temos obrigação de salvar tudo aquilo que ainda é susceptível de ser salvo, para que os nossos netos, embora vivendo num Portugal diferente do nosso, se conservem tão Portugueses como nós e capazes de manter as suas raízes culturais mergulhadas na herança social que o passado nos legou."  (Jorge Dias)

 

O texto transcrito refere-se ao legado das tradições do dia de Reis. Contudo, a mensagem conduz-nos também a reflectir no vasto legado musical que a História da Música Ocidental nos deixou, e penso que, todos somos guardiões em preservar esse único tesouro que nos pertence e identifica toda uma evolução cultural.

 

É envolvido deste espírito do dia de Reis, que deixo aqui a todos os leitores do blog musical Musikes um simbólico presente, o qual tal como os Reis Magos outrora alcançaram quem buscavam, este gesto possa ser um caminho de descoberta, partilha e enriquecimento cultural a legar.

 

 

No browser ou na App Spatify, uma play List 

criado especialmente para ti.


(no browser não precisas de ter conta / basta fazer Play)

 

Para desembrulhares!



 



 


Especiais desejos de um Excelente e Próspero Ano Novo de 2019!


publicado por Musikes às 13:00 link do post
03 de Outubro de 2018

Mais uma descoberta? Mais uma aventura!
 
 
Esta base de dados apresenta ilustrações das criaturas anciãs do planeta, com informações organizadas.

Seja um estudante, um professor ou apenas um ávido interessado no tema dos dinossauros, o website dinosaurpictures promete uma viagem ao tempo destas imponentes criaturas. O portal alega ter a maior base de dados da internet sobre o tema, tendo sido construída com a ferramenta PaleoDB, alimentada nos últimos 20 anos por centenas de paleontologistas.

O site oferece imagens com ilustrações coloridas dos diferentes dinossauros, e outras criaturas que habitaram o planeta há milhões de anos atrás. Cada dinossauro tem uma descrição com informações, assim como o local da Terra onde eventualmente terá habitado.

 

Poderá pesquisar por um dinossauro em concreto, procurar uma espécie aleatória ou utilizar os filtros para encontrar, por exemplo, todas as espécies que passaram por África ou outra parte do mundo ou um período específico, tal como o jurássico, cretácico e triásico.

Como o nome do site indicia, a riqueza das imagens torna a navegação divertida, sobretudo para os mais novos que têm muita curiosidade sobre os dinossauros.

 
 

Entre familiares, amigos e conhecidos, irão gostar do Musikes.

Partilha no Facebook,no Twitter e agora também no Padlet.com!

"Todos os dias devíamos ouvir um pouco de música, ler uma boa poesia, ver um quadro bonito e, se possível, dizer algumas palavras sensatas. Goethe"

 

publicado por Musikes às 12:47 link do post
03 de Setembro de 2017

Ora, vamos a isto!

 

Desta vez, a sugestão para uma atenta leitura de um interessante artigo do jornal online Observador.

“Só seis pessoas em todo o mundo a sabem assobiar. São habitantes de uma pequena aldeia no canto sudeste da ilha grega de Evia que nem sequer aparece no Google Maps.”

 

Não deixem de ler!

Boas leituras!

 

****

 

Língua assobiada com 2500 anos está prestes a desaparecer

(artigo do Observador de 01/08/2017)

 

“Só seis pessoas em todo o mundo a sabem assobiar. São habitantes de uma pequena aldeia no canto sudeste da ilha grega de Evia que nem sequer aparece no Google Maps. A língua é conhecida por sfyria.

A língua começou a ser utilizada como forma de conversar a longa distância através de vales

 

Estima-se que exista há 2500 anos. A língua assobiada conhecida por sfyria é uma das mais raras do mundo e está prestes a desaparecer. É, de acordo com o Atlas das Línguas em Perigo da UNESCO, a língua — assobiada ou não — com menos falantes vivos. Os únicos que existem vivem em Antia, uma pequena aldeia no canto sudeste da ilha grega de Evia, que nem sequer aparece no Google Maps.

Sfyria é uma versão assobiada da língua grega em que as letras e as sílabas correspondem a tons e frequências distintos. Assemelha-se ao som dos pássaros. A explicação foi dada pela linguista grega Dimitra Hengen, à BBC. Hengen garantiu ainda que as mensagens enviadas em sfyria podem ser ouvidas até quatro quilómetros de distância, através dos vales das montanhas. Um grito só atinge uma distância dez vezes inferior.

 

Por natureza, uma língua assobiada já é muito mais ameaçada do que uma língua falada, porque é muito mais difícil de se reproduzir”, esclareceu Hengen.

As únicas pessoas que conseguiam entender e reproduzir esta língua são pastores e agricultores de Antia, que foram passando a tradição para os filhos. Mas a população desta aldeia diminuiu de 250 para 37 pessoas. Os habitantes que sabiam assobiar perderam os dentes, ficando impossibilitados de a reproduzir. Atualmente, só existem seis falantes de sfyria.

 

A origem desta língua assobiada não é certa. Ninguém sabe ao certo quando começou a ser utilizada. Sabe-se que vem da palavra grega sfyrizo, que significa “apito”. Estima-se que há cerca de 2500 anos começou a ser utilizada como forma de conversar a longa distância. Há a teoria de que a língua começou a ser utilizada na Grécia Antiga, para que os habitantes de Antia pudessem sinalizar um ataque iminente contra o império.

Só em 1969 é que a sfyria foi descoberta, quando um avião caiu nas montanhas na aldeia de Antia. Quando a equipa de buscas chegou para procurar o piloto desaparecido, ouviram os pastores a assobiar através dos vales e ficaram encantados, relembra a BBC.”

 

Texto: Observador

 

***

 

E ainda haverá muito mais a partilhar.

E claro! Todas as novidades também no Facebook e Twitter.

 

Por isso!...

Não percas o próximo post… porque nós… também não!!!

publicado por Musikes às 15:26 link do post
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Ola! ☺️Saudações Musikes! 🤗Claro que me lembro! Co...
Olá Pedro,Como estás? Eu sou a Alda, a colega que ...
è Natal, é Natal....As mais belas canções de Natal...
Quando estou triste, paro e medito...Quando estou ...
A música é, sem dúvida, o alimento da alma... das ...
blogs SAPO